Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://hdl.handle.net/123456789/1786
Título: Tratamentos ofertados em comunidades terapêuticas na capital de Rondônia: desvelando práticas
Autores: Silva, Leila Graciele da
Calheiros, Paulo Renato Vitória
Palavras-chave: Dependência Química
Comunidades Terapêuticas
Centros de tratamento de Abuso de substâncias
Serviços de Saúde
Data de publicação: 2016
Citação: SILVA, Leila Graciele da. Tratamentos ofertados em comunidades terapêuticas na capital de Rondônia. 2016. 90 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós - Graduação Mestrado em Psicologia. Universidade Federal de Rondônia - UNIR, Porto Velho, 2016.
Resumo: Este trabalho se inscreve no âmbito das pesquisas sobre saúde, especificamente saúde mental - dependência química. Constitui-se de um levantamento das práticas empregadas como tratamento em Comunidades Terapêuticas (CT's) na recuperação e reabilitação de usuários de substâncias psicoativas. Esta dissertação está disposta em duas partes. A primeira é composta pelo projeto de pesquisa apresentado ao Comitê de Ética e também na qualificação, intitulado "Comunidades terapêuticas: caracterização dos serviços de atenção à dependência de álcool e outras drogas na capital de Rondônia". Na segunda parte, são apresentados dois artigos científicos. O primeiro, denominado "Práticas empregadas no tratamento para dependentes de substâncias psicoativas em comunidades terapêuticas brasileiras: um estudo de revisão sistemática da literatura entre 2005-2015", aborda as publicações brasileiras sobre os tratamentos à dependência química ofertados em CT's nos últimos dez anos. Nos achados predominam: a escassa produção nacional sobre a temática; o distanciamento entre o que é feito na prática e o que é preconizado pelas Políticas Públicas vigentes; as atividades religiosas. poucos profissionais especializados; abordagens pautadas em discursos moralistas; e abstinência como meta terapêutica. Esta revisão sinaliza urgência de ampliação das pesquisas na área. O segundo artigo, intitulado "Práticas empregadas no tratamento à dependência química nas comunidades terapêuticas em Porto Velho/RO", trata de uma pesquisa de abordagem quantitativo-descritiva com recorte transversal, da qual participam 18 CT's, representadas pelos seus dirigentes. Os resultados apontam: predomínio de instituições filantrópicas em detrimento dos serviços públicos; escassez de profissionais especializados em dependência química; taxas elevadas de abandono do tratamento; maior oferta de atendimento para homens; programação religiosa, centrada na oração e abstinência em 77,8% das CT's; atividades de laborterapia incluindo a criação de animais e hortifrútis para consumo e venda, marcenaria, construção civil e fabricação de pães e bolos. A expressiva maioria das CT's pesquisadas não possui critérios de ingressos, elegibilidade, alta, nem contato pós-alta. Há resistência das instituições em conectar-se à rede de Atenção Psicossocial. Esses achados fornecem um panorama da realidade desse setor de saúde em Rondônia e ambicionam fomentar intervenções coordenadas de capacitação, planejamento e avaliação dos programas existentes.
Descrição: Dissertação apresentada ao Programa de Pós - Graduação em Psicologia - Mestrado (MAPSI) da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR), Linha de pesquisa Saúde e Processos Psicossociais, como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Psicologia. Orientador: Prof. Dr. Paulo Renato Vitória Calheiros.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1786
Aparece nas coleções:Mestrado em Psicologia / PVH. Dissertações

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Leila.pdfLeila Graciele da Silva31,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.