Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://hdl.handle.net/123456789/1787
Título: Formação continuada em Educação Inclusiva
Autores: Nunes, Nilta Moreira Braga
Palavras-chave: Formação Continuada
Educação Inclusiva
Análise do Discurso
Data de publicação: 2013
Citação: NUNES, Nilta Moreira Braga. Formação continuada em Educação Inclusiva. 2013. 130 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós - Graduação Mestrado em Psicologia. Universidade Federal de Rondônia - UNIR, Porto Velho, 2013.
Resumo: Esta pesquisa tem como objetivo analisar como as formações em Educação Inclusiva, ofertadas pela SEDUC, no período de 2002 a 2011, têm repercutido junto aos professores no município de Ariquemes- RO, a partir das percepções das professoras que participaram como cursistas desses cursos e das que atuaram como organizadoras e formadoras. Para isso, utilizou-se como metodologia, a pesquisa de abordagem qualitativa, com base nos autores Bogdan e Biklen (1994) e Duffy (1987), tendo como campo de investigação as ações de formação continuada em Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva. Como instrumento de produção e coleta de dados, foi utilizada entrevista individual semiestruturada, análise documental. Na entrevista, participaram quatro professoras, organizadoras/formadoras que têm integrado esse processo e seis professoras cursistas da rede estadual de ensino do município de Ariquemes; destas, uma atua como intérprete e cinco atuam no atendimento educacional especializado-AEE, para a análise documental foram considerados como documentos leis, decretos, projetos de formação, registros de frequência e plano de ação da Subgerência de Educação Especial da SEDUC. Para o procedimento de organização e análise de dados, optou-se pelas orientações de Análise do Discurso, tendo como referencial as contribuições de Orlandi (1996/2012), Pêcheux (2012) e Ferrarezi (2010). Durante o procedimento de análise e discussão dos dados, optou-se pelas contribuições da Psicologia Histórico-Cultural de Vygotsky e seus colaboradores Leontiev e Luria, esses autores destacam a importância da relação entre indivíduo e sociedade, e concebem que o desenvolvimento humano é mediado por essa relação em que se constituem, de maneira sócio-histórica, os processos psíquicos. Os resultados evidenciam que os cursos de formação em Educação Inclusiva, da forma como estão sendo organizados, não têm atendido as necessidades de formação, nessa área, para os professores. A SEDUC, na tentativa de suprir as lacunas da formação inicial e atendendo às legislações pertinentes da Educação Inclusiva, tem ofertado essas formações verticalmente, sem consultar os interessados, sendo estes obrigados a participar dos cursos, mesmo fora do contexto da necessidade. Além disso, os cursos têm valorizado mais a teoria que a prática em sua composição. As propostas de formação estão desconectadas da realidade e a sua contribuição para compreender os processo de ensino e atuar junto aos estudantes com deficiência está aquém dos anseios dos professores. Ficou evidente que a troca de experiências com seus pares, as professoras do atendimento educacional especializado, por meio das mediações que aconteciam durante os cursos, e a criatividade das professoras têm proporcionado condições de atendimento aos estudantes, com obtenção de resultados diferentes e, às vezes, mais satisfatórios que os descritos e preconizados pelas teorias ministradas pelos formadores.
Descrição: Dissertação apresentada ao programa de Pós-Graduação em Psicologia – Mestrado/MAPSI como exigência parcial para obtenção do título de Mestra em Psicologia pela Universidade Federal de Rondônia-UNIR. Linha de Pesquisa: Psicologia Escolar e Processos Educativos. Orientadora: Professora Dra. Neusa dos Santos Tezzari
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1787
Aparece nas coleções:Mestrado em Psicologia / PVH. Dissertações

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_Nilta[1]3doc.pdfNILTA MOREIRA BRAGA NUNES2,09 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.