Use este identificador para citar ou criar um link para este item: http://hdl.handle.net/123456789/978
Título: Desempenho produtivo e características de carcaça e resíduos tambaqui cultivado em tanque-rede, em duas classes de peso e diferentes taxas de alimentação
Autores: Carvalho, Cleanderson Ferreira
Palavras-chave: Beneficiamento
Colossoma macropomum
Nutrição
Produtividade
Resíduos
Data de publicação: 2015
Citação: CARVALHO, Cleandeson F. Desempenho produtivo e características de carcaça e resíduos tambaqui cultivado em tanque-rede, em duas classes de peso e diferentes taxas de alimentação. 2015. 48 f. Monografia (Bacharelado em Engenharia de Pesca) - Fundação Universidade Federal de Rondônia, Presidente Médici, 2015.
Resumo: A adoção de estratégias de alimentação adequadas, nas diferentes fases de vida dos peixes permite explorar o potencial genético, a sobrevivência e conversão alimentar, contribuindo para reduzir o desperdício de ração, o que prejudica a qualidade da água de cultivo e a produção, além de influenciar no rendimento final do processamento do pescado. Objetivou-se com este estudo avaliar o desempenho produtivo e características de abate de tambaqui (Colossoma macropomum), sob diferentes taxas de alimentação. Foram utilizados 225 juvenis distribuídos em duas classes de pesos, de 434 ±9,28 g e de 693 ±10,16 g, cultivados em tanques-rede confeccionados com tela de 12 mm nas dimensões de 1,0 m x 1,0 m x 1,0 m, perfazendo 1,0 m³. Os peixes foram distribuídos em delineamento inteiramente casualizado cinco tratamentos, compostos por diferentes taxas de fornecimento diário de ração (2,5, 3,0, 3,5, 4,0 e 4,5 % do peso corporal). Os parâmetros limnológicos de condutividade elétrica, temperatura, oxigênio dissolvido e pH foram avaliados quinzenalmente. Os animais foram alimentados com ração comercial extrusada com péletes de 8 – 10 mm e 32 % de proteína bruta, em dois tratos diários. Nos tambaquis da primeira classe de peso, não houve diferença (P>0,05) no comprimento final de cabeça com os aumentos das taxas de alimentação (TA). Para as variáveis: peso corporal final, ganho de peso, comprimento total final, altura final e conversão alimentar aparente foram observados efeitos lineares crescentes (P<0,05) com o aumento da TA. Já na segunda classe de peso, o peso corporal final, o ganho de peso, o comprimento final da cabeça e o comprimento total final não apresentaram diferenças (P>0,05) entre as cinco TA. Os juvenis de tambaqui que receberam o nível de arraçoamento de 2,5 % do peso corporal apresentaram menor conversão alimentar aparente, sendo mais eficientes em converter a ração em peso corporal. Foi observado também efeito linear crescente no percentual de gordura abdominal (P<0,05) com o aumento da TA. Conclui-se que a menor TA apresenta maior eficiência alimentar e menor deposição de gordura na carcaça, sendo recomendada para tambaquis nas classes de peso avaliadas.
Descrição: Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Departamento de Engenharia de Pesca da Fundação Universidade Federal de Rondônia – UNIR, como requisito para a obtenção do título de Engenheiro de Pesca. Orientador: Prof. Dr. Marlos Oliveira Porto
URI: http://hdl.handle.net/123456789/978
Aparece nas coleções:DEPESCA/PM. Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CARVALHO, Cleandeson F..pdfCARVALHO, Cleandeson F.2,15 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.